Impermeabilização da Lagoa da Portela

  • A Sotecnisol Engenharia em parceria com a Sotecnisol Ambiente concluiram em Fevereiro passado a impermeabilização da Lagoa da Portela que se localiza no concelho de Machico, freguesia de Santo António da Serra, Região Autonoma da Madeira,  cujo objectivo é o de assegurar o reforço do abastecimento de água para rega, no âmbito das intervenções de beneficiação das redes da Portela e de Porto da Cruz.

    A Lagoa da Portela está implantada na ribeira de Passo Remos (afluente da margem direita da ribeira de Machico) é constituida por zonas em escavação e por uma barragem em aterro com  19,50 m de altura máxima acima do talvegue do cuso de água a juzante (22 m acima da cota mais baixa da fundação). A albufeira, com o fundo à cota 728 e o NPA estabelecido à cota 738,5, possui uma capacidade de armazenamento total de 84 310 m3. 

    Toda a lagoa está revestida com um sistema de impermeabilização constituido por uma camada inferior de geotextil de 600 gr/m2, sobre a qual assenta uma geomembrana de polietineno, com 2,5 mm de espessura nominal, branca na parte exposta e preta na face inferior. O sistema de impermeabilização confina em valas periféricas onde é ancorado ou em perfis de polietileno, previamente cravados nas estruturas de betão, onde a geomembrana é ligada por estrusão.
    A instalação do sistema de impermeabilização revestiu-se de particular complexidade tendo em conta as inclinações dos taludes e a inexistência de banquetas de ancoragem intermédia no corpo da barragem, criando dificuldades acrescidas nesta zona e na transição desta para as adjacentes. As condições atmosféricas também foram uma forte condicionante na execução dos trabalhos, mas a conjugação de esforços por parte da Sotecnisol e do consórcio Epos / Teireira Duarte, permitiu concluir os trabalhos com sucesso e dentros dos prazos previstos.

    Importa ainda referir que o LNEC realizou, para o Dono de Obra, a supervisão e controlo de qualidade da instalação dos sistema de impermeabilização.